Início > Artigos, Política > Violência contra a mulher?

Violência contra a mulher?

Raramente assisto televisão e BEM mais raramente o Globo Reporter, já que acho o programa bem fraquinho. Confesso que quando eu era criança gostava do programa; achava ele bacana, pois mostrava bastante a natureza e curiosidades que atrem qualquer criança. Mas o tempo foi passando… os programas piorando e a cultura sendo esquecida. E agora sou obrigado a aguentar programas fast-food, então… faço questão de mostrar minha insatisfação e indignação desligando a televisão quando começa esses programas.

Mas… quando não se tem internet, se está sozinho em uma cidade diferente, não gosta [muito] de festa e está sem nenhum livro, confesso que a televisão volta a ser um entretenimento até que interessante. Hahah! 🙂

Só que não é sobre isso que quero falar, mas sim sobre o tópico abordado no programa do dia 06/03/09: violência contra as mulheres. Não quero parecer hipócrita e esquecer de todas as outras violências que os seres humanos praticam contra si, só que eu gostaria de entender qual seria a razão para no século XXI, em que a mulher conquista cada vez mais seu espaço, ainda existirem essas agressões.

O Tom certa vez postou em seu blog (se eu achar o artigo, edito aqui) algumas agressões contra as mulheres em outros países que inclusive, em um primeiro momento me chocaram muito, já que nós temos uma mania de politicamente correto que me assusta. Estamos sempre prontos para dizer que não devemos julgar uma “cultura” que é diferente da nossa. E nesse ponto estou com um colega quando ele diz não entender qual o motivo para não julgar uma coisa que É uma AGRESSÃO, independentemente de qual cultura estamos analisando.

Mas como conheço pouco sobre essas outras culturas, vou me limitar a falar da qual eu conheço.

Assinto ao programa eu me perguntei: Qual o motivo para um homem agredir uma mulher? Será que ele [ainda] se acha superior? Querer mo(n)strar através de pancadas que tem mais força? Medo de perder a mulher que teoricamente ele “ama”?

Não há razão para praticar tais atos. NÃONENHUMA justificativa para ocorrer uma agressão ou sequer uma AMEAÇA.

Tanto o HOMEM quanto a MULHER possuem os mesmos direitos. Infelizmente, por conta de uma sociedade RIDÍCULA que vivemos as mulheres demoraram para usufruir das conquistas que nós homens já tínhamos, e, para ser sincero, se elas dependessem dos hipócritas da alta hierarquia… talvez hoje ainda não conseguiriam ter qualquer direito.

Quando vejo reportagens como essa fico indignado e ao mesmo tempo muito triste. Confesso que eu tinha em mente fazer uma análise [mais] profunda sobre essas agressões, mas… perdi a vontade. Sabe aquele desânimo? Então… esse post será para representar esse desânimo.

Para as mulheres: Não aceitem isso! Vocês são MUITO mais do que alguns homens tratam vocês; não se achem menos (e nem mais), só tenham a certeza que vocês são IGUAIS, portanto merecem os mesmos direitos. Lutem para ser tratadas com carinho! Não sejam “massacradas” e “humilhadas” em silêncio.

P.S.: Violência aumentando, pensamento crítico deixando de existir, escolas com métodos ridículos de ensino, universidades com pessoas de “pensamento pequeno” (diria minha avó), etc… e ainda falam em colonizar outros planetas, “salvar” o planeta… Nós não sabemos nem como cuidar de nós mesmos e queremos SALVAR o planeta? Colonizar outros? Puff… 😦

Anúncios
  1. Carol
    abril 4, 2009 às 2:59 pm

    Ahá, pois é! Abaixo a violência contra a mulher.
    Eu aposto que se sua mãe estivesse lido esta postagem provavelmente os argumentos dela transformariam qualquer homem machista em um verdadeiro homem.
    😀

  2. abril 5, 2009 às 9:10 am

    Violência contra a mulher que acontece no Brasil diariamente é de forma DIRETA (escancarada); em outros países, principalmente do Oriente Médio e Ásia essa violência é praticada de forma INDIRETA e nós simplesmente aceitamos isso como uma “cultura” deles.

    A violência não tem referencial, se é violência aqui no ocidente é violência no oriente e isso tem que mudar, esse “politicamente correto” não pode existir.

    Enfim, se minha mãe comentasse aqui, com certeza muitos homens iriam continuar com as mesmas cabeças ridículas. Afinal, aqui no Brasil (não conheço outros países) criou-se o “mito” de que para ser homem precisa ser ogro, ou então, sensível; meio termo não existe.

    Beijos!

  3. abril 5, 2009 às 10:45 pm

    Eu lembro dessa reportagem no Globo Reporter. Na época, eu estava para escrever sobre isso também no meu blog. Não gosto do jornalismo da Globo e não pensei duas vezes: não vi! Principalmente para não poluir minha cabeça. Queria escrever meu texto sem “ajuda” da Globo.

    Gostei do teu texto e concordo com o que você escreveu. As mulheres são muito mais do que alguns machistas possam pensar (e pensam?). A igualdade é importante.

    Se tiver interesse de ler o texto que citei no primeiro parágrafo, fique à vontade para visitar meu blog.

    Abraços!

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: