Início > Artigos, Física, Matemática, Química > A responsabilidade social dos cientistas

A responsabilidade social dos cientistas

Estou com um artigo em mãos que deve ser colocado nesse blog. Seu título é o mesmo desse post. Infelizmente não tenho muitas informações a respeito de autor, etc. Mas quero deixar claro que o texto não é de minha autoria.

Gostemos ou não, a pesquisa básica na física afeta mais do que apenas o nosso conhecimento do mundo físico. Por exemplo, a fissão e a fusão tiveram um impacto tão grande na nossa cultura que muitos de nós sentimos que a própria sobrevivência da civilização, como a conhecemos, está perigosamente pendente de um fio. Como disse E. B. White: “A bomba deu-nos uns poucos anos de graça sem guerra e agora ameaça-nos com um milênio de esquecimento.”

Desde o desenvolvimento da bomba atômica em 1945, um pequeno, porém muito significativo grupo de cientistas mundiais, sentiram a responsabilidade social de pelo menos alertar o público e os políticos dos riscos extremos envolvidos numa política que possa conduzir a guerra nuclear. Uma das atividades desses cientistas é a publicação de uma revista mensal de ciência e negócios públicos, Bulletin of the Atomic Scientists. Esse senso de responsabilidade por parte dos cientistas ajuda a explicar a inusitada quantidade de atividade política que encontramos dentro de parte da comunidade científica. Deveríamos esperar que a campanha para cessar o ensaio de armas nucleares tivesse sido iniciada pelos sociólogos, ou pelos dirigentes religiosos, e não pelos cientistas.

Algumas pessoas ressentem-se dessa “intromissão” dos cientistas na política. Há a objeção ponderável de que um cientista que goze de alto prestígio público por suas conquistas científicas pode fazer declarações apressadas, supersimplificadas a respeito de assuntos fora de seu campo de competência, confundindo e desorientando assim o público. Por causa de seu prestígio e reputação de pensador meticuloso, um cientista, que fale para o público sobre matéria política relacionada com a ciência, deve fazê-lo com extrema cautela. Da mesma forma como suas opiniões científicas são baseadas no pensamento cuidadoso e no estudo de assuntos relevantes, assim também suas opiniões políticas devem-se basear no pensamento cuidadoso e no estudo. Mas uma vez que essa condição seja satisfeita, o cientista que se aprofunde na relação entre ciência e política está realizando um valioso serviço público.

Esse cientista também sente que está cumprindo um de seus deveres como cientista. Este “segundo dever” do cientista é expresso por John M. Fowler no seu livro Fallout:

A opinião pública, nas grandes questões nucleares, mantém-se grandemente deformada e desinformada. Apresentar ao público o material bruto a partir do qual essa opinião posa forjar-se é tanto privilégio como o dever do cientista. Pois no nosso mundo de complexo saber e borbulhante tecnologia; os cientistas não têm um, mas dois deveres essenciais: primeiro, o tradicional dever de procurar a verdade; segundo, o dever de comunicar, a todos os que o necessitem, o conhecimento obtido nas suas pesquisas.

Alguns cientistas sentem este “segundo dever” mais fortemente do que outros. No entanto, sempre que os julgamentos políticos devam ser baseados no conhecimento técnico e no julgamento científico, haverá cientistas que sentem ser também seu dever ajudar a contribuir favoravelmente para os julgamentos políticos. Certamente seria perigoso para a sociedade um político sem formação científica tomar sozinho tais decisões vitais.

———x———x———x———

Hoje dediquei minha tarde para estudar Geometria Analítica, fiz um esquema de toda a matéria, que acredito eu seja de grande valia para os estudantes de Ensino Médio (já vou avisando, não é decoreba). Infelizmente por conta dos gráficos e das observações que fiz fica difícil colocar aqui na WordPress, todavia vou ver se consigo fazer em PDF e disponibilizar o arquivo.

[]’s

Anúncios
  1. Lucas mendes
    maio 4, 2013 às 6:02 pm

    Parabéns isso foi de grande ajuda p mim.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: